8 dicas importantes para identificar uma hospedagem de sites confiável

0

Imagine que, após muito trabalho, você tenha criado um site projetado para promover e anunciar os produtos e serviços que você fornece. Naturalmente, surge a pergunta sobre onde hospedar o site ? 

Hosting é o espaço em um disco alugado em um servidor na Internet. É neste espaço que os arquivos do seu site estarão localizados. Portanto, você precisa que o servidor seja confiável e atenda a todos os seus desejos.

Neste artigo, explicaremos o que é hospedagem, seus tipos e daremos dicas e truques práticos para te ajudar a escolher uma hospedagem.

O que é hospedagem?

Ao carregar qualquer site, você vê textos, designs e imagens. Mas de onde eles vêm? A página carrega-se pelo facto de existir um servidor especial  onde se guardam todos os dados do site (imagens, vídeos, gráficos, etc.) Tudo isto é carregado automaticamente quando o visitante coloca o endereço de um determinado site no browser.

Hospedagem é um serviço online por meio do qual você pode publicar seu site ou aplicativo na Internet. Sob este conceito, devemos considerar o serviço de alugar um servidor no qual você possa armazenar arquivos e dados necessários para o  funcionamento do seu site. 

As empresas que vendem esses serviços a você são chamadas de provedores de hospedagem ou hosters. A tarefa deles é fornecer acesso ininterrupto ao seu site para outros usuários.

Tipos de hospedagem

Para escolher com sucesso uma empresa que pode fornecer serviços de hospedagem, você precisa decidir o tipo de hospedagem certa para o seu site. Existem muitos tipos diferentes de hospedagem. E para escolher a certa, você precisa saber pelo menos um pouco sobre suas características. Dos tipos de hospedagem listados abaixo, você sempre pode escolher um adequado em termos de parâmetros técnicos e custos.

  • Servidor virtual dedicado (VPS) difere da hospedagem compartilhada porque seu proprietário pode instalar e configurar o software de forma independente. Ou seja, não tem restrições especiais e pode ser ajustado livremente para se adequar ao seu projeto. Vários servidores virtuais também estão hospedados em um servidor físico, mas estão isolados uns dos outros. Por este motivo, o consumo de recursos de cada um deles não afetará de forma alguma os outros usuários.

 Este tipo é adequado para um aplicativo ou site onde você pode criar uma conta pessoal, bem como para fóruns e lojas online com um grande número de visitantes.

  • Servidor físico dedicado (dedicado). O administrador deste tipo de hospedagem obtém acesso e controle total. Este serviço é adequado para grandes redes sociais, lojas online ou aplicações que requeiram muitos recursos.
  • Hospedagem na nuvem é um sistema de servidor combinado. Seu site é armazenado em vários servidores ao mesmo tempo. Assim, você não está limitado aos recursos de um servidor, mas pode usar os recursos de vários ao mesmo tempo. Isso manterá seu site funcionando sem problemas, mesmo se um dos servidores cair. 
  • Hospedagem empresarial é um análogo da hospedagem compartilhada, apenas com recursos dedicados que você pode usar a seu próprio critério. Este tipo de hospedagem pode ser adequado para quem queria trabalhar com um VPS, mas não queria se envolver com a administração do Linux.
  • Hospedagem gratuita na web é uma ótima opção para quem tem um orçamento apertado. Com a vantagem inegável da hospedagem gratuita, um site nele pode às vezes estar indisponível, a publicidade de outra pessoa pode aparecer no site e uma velocidade de conexão baixa pode ocorrer. Mas muitas vezes as desvantagens listadas não interferem no trabalho.
  • Colocação( colocation)  diferem de outros planos de hospedagem tradicionais porque você possui servidores, roteadores e outro hardware localizado em um data center de terceiros. O data center fornece apenas energia elétrica, acesso à Internet e armazenamento para seus servidores. Isso significa que você é o único responsável por gerenciar a segurança e manter os servidores. Os serviços de colocação são ideais para grandes empresas.

Principais características de uma boa Hospedagem 

Para não cometer erros na escolha de uma hospedagem, deve prestar atenção a vários pontos chave:

  • Confiabilidade e estabilidade do servidor: Imagine uma situação em que você visita um site e ele não funciona. Não são apenas visitantes e clientes perdidos, mas também problemas com a indexação do site pelos motores de busca, perda do nível de confiança no site e muitas outras consequências.
  • A velocidade do servidor pode depender do provedor de hospedagem e do desenvolvedor do site. Se uma página do site pesar 15 MB, nenhuma hospedagem ajudará a baixá-la em 5 segundos. No entanto, se o tamanho da página for ideal, tudo dependerá do equipamento de hospedagem e de sua carga. Afinal, um servidor lento tornará o trabalho mais lento.
  • Método de envio para o servidor. Hoje existem várias maneiras de colocar informações e arquivos no servidor. Eles são HTTP, FTP, e-mail, etc. No entanto, o método mais rápido e confiável é o upload via FTP.
    • Tecnologias suportadas pelo  servidor. Pode ser php, mysql, perl, etc. Para um site estático comum, neste caso, a hospedagem mais comum é adequada, no entanto, para um site dinâmico, é recomendável uma hospedagem de alta qualidade que suporte scripts, bancos de dados, etc.
    • Tempo de atividade do servidor: Este parâmetro é um dos mais prioritários. E, é claro, o servidor deve trabalhar o tempo todo, sem interrupções.
    • Plano tarifário proposto pelo provedor: Ao escolher, você precisa considerar o espaço em disco que seu site ocupará. Você não deve pedir espaço consecutivo, porque todo site sério cresce e se desenvolve, então você precisa de um suprimento de espaço em disco. 
    • A localização geográfica do servidor: Como você sabe, a distância do servidor dos usuários tem uma grande influência na velocidade. Portanto, se o seu site é direcionado a um público dos EUA, Canadá México etc., então neste caso é aconselhável escolher hospedar-se na América em vez dos europeus. Hoje, muitos provedores de hospedagem oferecem a oportunidade de hospedar recursos em servidores em vários países.

    É claro que, quando surge a questão do posicionamento do site, há muito mais parâmetros e critérios de seleção. Uma visão sobre serviços considerados confiáveis você encontra aqui . Isso inclui a qualidade do suporte técnico, a facilidade de uso do painel de controle, a capacidade de criar e-mails, etc. De muitas maneiras, a escolha de hospedagem depende dos objetivos, requisitos e desejos que você busca ao criar e colocar um site na Internet.

    Dicas e truques práticos ao escolher uma hospedagem

    Depois de termos analisado o que é hosting, seus principais tipos e as principais características de um bom hosting, gostaríamos de lhe dar algumas recomendações. Elas o ajudarão a escolher um provedor que possa atender plenamente às suas necessidades.

    1. Serviço de administração do servidor: Normalmente, você deve pagar separadamente. No entanto, Se você é bem versado em programação e entende como o servidor funciona, não precisará  de pagar  administradores. 
    1. Suporte técnico: É importante que a empresa de hospedagem tenha suporte técnico que o ajudará a solucionar os problemas encontrados durante o trabalho e que tenha um atendimento 24h. Pois, em caso de problemas com  a hospedagem, eles precisam estar disponível a qualquer hora para colocar seu site novamente no ar.  
    1. Painel de controle conveniente: Muitas pessoas usam o painel do gerenciador do ISP. É conveniente, visual e funcional. Alguns hosters oferecem planos com este painel incluído.
    1. A quantidade de espaço em disco:  Se, por exemplo, seus sites ocupam um gigabyte, solicite um plano com 3 GB de espaço em disco. Os sites vão evoluir e precisarão de mais espaço.
    1. A possibilidade  de aumentar o espaço em disco: É bom que quando o espaço em disco diminuir, você pode comprá-lo sem alterar a tarifa. Você apenas coloca a quantidade necessária de espaço adicional, paga e usa!
    1. Mudança de tarifa conveniente: Bons hosters têm a capacidade de alterar rapidamente os planos de tarifas diretamente de suas contas. Basta clicar para alterar o plano, escolher a tarifa desejada e confirmar a sua escolha. E isso não é tudo. É importante  que a transição seja instantânea e não haja interrupções no trabalho dos recursos da web.
    1. Backup diário automático: Ao restaurar um site “quebrado”, uma cópia de backup ajudará, se, é claro, houver uma disponível. Para viver uma vida mais segura, faça backups. É conveniente que os backups sejam criados diariamente, automaticamente e armazenados em um servidor separado. Portanto, verifique com sua empresa de hospedagem a possibilidade de conectar backups em modo automático.
    1.  Versão PHP: Verifique a possibilidade de atualização e troca de uma versão para outra.

    Deixe uma resposta

    Seu endereço de email não será publicado.